top of page
Buscar
  • Foto do escritorrosangela f. silva silva

Abandono afeitvo

Faltas que doem até a vida adulta











O abandono emocional pode ser especialmente desafiador para uma criança, pois a afetividade e o senso de segurança são vitais para a construção de sua personalidade. Relações afetuosas e um ambiente seguro durante a infância são essenciais para promover um desenvolvimento emocional saudável, formar vínculos interpessoais positivos e cultivar a autoestima. Esses elementos contribuem significativamente para a habilidade da criança lidar com desafios e estabelecer relações interpessoais saudáveis ao longo de sua vida.


O abandono afetivo pode gerar na criança uma sensação de vulnerabilidade que afeta seu desenvolvimento emocional, suas relações interpessoais, sua autoestima e seu desenvolvimento social. O suporte emocional e a intervenção profissional são cruciais para ajudar a criança a superar esses desafios e construir uma base emocional mais sólida.


Crianças privadas de amor e atenção adequados podem desenvolver padrões de apego inseguro, impactando negativamente seus relacionamentos na vida adulta. Esses padrões podem resultar em dificuldades de confiança, problemas de saúde mental, baixa autoestima e desafios na regulação emocional.


A Psicoterapia é uma alidada poderosal para aqueles que enfrentaram o abandono afetivo, oferecendo um espaço seguro para explorar e compreender as experiências, desenvolver estratégias de enfrentamento saudáveis, promover a autoestima e melhorar as habilidades de relacionamento interpessoal. Ajuda no crescimento pessoal e pode ser parte integrante do tratamento de transtornos de saúde mental associados. A Psicoterapia é um caminho significativo para a cura emocional e a construção de uma vida mais equilibrada.


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page